setembro 10, 2011

De mim, para mim e agora para ti

As coisas acontecem porque tem que acontecer. Não importa aquilo queremos ou que tentamos fazer para não acontecerem, porque elas terão mais força e acontecerão. Umas são boas outras são más, mas nunca poderão agradar a toda a gente. Nunca saberemos quando elas vão acontecer nem nunca saberemos o que "elas" serão, apenas sabemos que enquanto vivos, qualquer coisa pode acontecer. Em vez de procurarmos maneiras, de impedir que o destino faça o seu dever, devemos começar a preparar-mo-nos para aceitar o quer que seja, independentemente das circunstâncias. Nada é perfeito e tal como as coisas boas tem o seu lado pior, as más tem o seu melhor. Nada é para sempre, por isso o sempre é uma palavra tanto forte como relativa, que nos leva à conclusão que se as coisas boas não duram, as más também não. Quando te apetecer chorar, fecha-te na casa-de-banho e durante cinco minutos choras, mas depois, lavas a cara, olhas-te ao espelho, arrancas um sorriso do teu interior e sais de cabeça erguida. Os amigos mudam, magoam-nos, afastam-se, esquecem-se de nós e até mesmo os amigos mais chegados, aqueles que jamais pensaríamos que o fizessem, fazem! Pudemos até ficar um pouco destroçados ao inicio e o pior que pudemos fazer, é criar uma culpa que nos consumirá e que decerto, não nos pertence. Mas sejamos sinceros, estamos a viver num sitio que aloja 7 biliões de pessoas, não estamos sozinhos! Sempre que te ocorrer que pior do que já estás é impossível, lembra-te que há pessoas que vivem sem qualquer beldade exterior, e mesmo assim conseguem sentir o verdadeiro amor; que percorrem km para encontrar água -que muitas das vezes nem potável é-, enquanto tu ainda te podes dar ao luxo de no mínimo beber da torneira; não fazem ideia do que seja a internet; não se sentam com a família no sofá, ao fim do dia; não sabem o que é calçar uns ténis, vestir uma t-shirt ou uns jeans; que apesar de não saberem o que são metade das coisas, que são básicas no nosso quotidiano, não se andam lamentar, quando elas sim tem razão para tal! Aliás! Elas sentem-se abençoadas e agradecem por ainda terem aquilo que têm. Não procures fazer uma lista mental de todas as coisas que te deixam miserável, sabes que isso de ter dó de ti próprio, deixa muito a desejar... Hoje eu sentia-me um caco! Um caco partido em mil bocados. Um caco que foi partido por quase toda gente, que nem sequer se preocupou em colá-lo! E por isso começei a escrever coisas tristes, até que ouvi esta música (http://www.youtube.com/watch?v=ApfnVvO2xsY) e fez-me perceber que estava a fazer tudo mal. Ela inspirou-me e optei por escrever este texto, que ao inicio parece apenas um monte de tretas, mas que acabaram por captar esperança e me fizeram mudar de perspectiva. Não sei quem vai ler isto até ao fim, mas sei que alguém que se comece a identificar nas primeiras palavras, vai chegar ao fim, e vai sentir-se muito melhor!

23 comentários:

andreia disse...

neste post : existem coisas boas e coisas más, sim e mesmo assim temos que enfrentá-las todos os dias ! ; nada na vida é perfeito nem mesmo a palavra «perfeição» ; nunca devemos dizer a palavra «sempre» como dizemos tantas vezes oh, sei lá, «olá», por exemplo, porque acabamos sempre por errar, até num pequeno detalhe :o ; não podemos chorar só 5minutos, podemos e devemos chorar o tempo que for necessário linda (: , mas mesmo assim, no fim lavar a cara e sair com um sorriso ainda maior nos lábio :D ; naquilo dos amigos tens toda a razão, por vezes passo-me mesmo de vez ;s ; naquilo das roupas, da água e tudo mais nisso ninguém, pelo menos em Portugal, não nos podemos queixar, pois aqui sim, podemos dizer que «estamos em casa» apesar desta enorme crise que existe :s ; podem ter sido «rascunhos» pensas tu, mas são as melhores palavra que alguma vez li (neste caso não ouvi eheh) eu li isto até ao fim, emocionei-me ao mesmo tempo :o ADOREI

Incógnita disse...

tudo o que tiver de acontecer, simplesmente acontece..e nós só temos de saber aceitar o que de bom e mau a vida nos reserva..

Cris disse...

Tes moita razón! As persoas que vivimos bastante ben tendemos a comportarnos mal, a ser egoístas. Non nos damos conta de que hai millóns e millóns de persoas que darían calquer cousa por estar na nosa situación, por facer calquer cousa que para nós é insignificante.
Sígo o teu blog! Deixoche o meu por se queres pasarte por él: http://buscameallidondenolleguelarazon.blogspot.com/
Un bico dende Galicia :D

carina disse...

adorei adorei, muito verdade

m. disse...

EU! identifiquei-me não só nas primeiras palavras como em todo o texto e num instante cheguei ao fim. gostei muito mesmo :)

aimee rose disse...

obrigada :)
adorei!

Letícia Santos disse...

"Não sei quem vai ler isto até ao fim, mas sei que alguém que se comece a identificar nas primeiras palavras, vai chegar ao fim, e vai sentir-se muito melhor!" - bem verdade! adoro o texto. :)

joanarocha disse...

muito obrigada <3

joana disse...

eu também faço desde os cinco anos, tens toda a razão é tão bom *.*

.bruna* disse...

Grande texto, muitos parabéns.. E sim, eu identifiquei-me completamente com ele e apensar de pensarmos que os nossos problemas são os piores, existem mais e muito mais graves que os nossos e é realmente nisso que temos que pensar quando estamos num dia não. Beijinhos!

.bruna* disse...

Grande texto, muitos parabéns.. E sim, eu identifiquei-me completamente com ele e apensar de pensarmos que os nossos problemas são os piores, existem mais e muito mais graves que os nossos e é realmente nisso que temos que pensar quando estamos num dia não. Beijinhos!

nalini disse...

Espero que sim (:

marie disse...

não podia estar mais de acordo, aliás, é impossível não concordar, muitas vezes o problema é somente um o "amor" ou uma "desilusão".. enfim, é a realidade.
vou começar a acompanhar-te, prepara-te!

- Bianca disse...

Eu li até ao fim e achei o texto lindo *.* Já pensei assim milhões de vezes. Quantas vezes não nos queixamos da nossa vida e até desejamos morrer, enquanto anda por aí pessoas em condições muito piores que as nossas? Concordo contigo desde o inicio até ao fim :) e sigo o blog :)

Filipa disse...

Vou fazer de tudo para que sim.
Adorei*

Joana disse...

Tudo o que nos acontece tem um lado bom, acredita! Ele existe, mesmo que não pareça. (:

joana disse...

sim ainda faço, e faço uma vez por semana. compreendo-te eu também tenho sempre receio que os ombros alarguem demais :o

Su disse...

gostei *

Su disse...

era tudo tao perfeito *

- Bianca disse...

Oh nem sabia, obrigada por me seguires :')

joana disse...

fazes bem ;)

。♥ Smareis ♥。 disse...

Olá, passei pra conhecer seu blog e amei demais. Achei o post maravilhoso, e de muito bom gosto.
Estou te seguindo, e convido a conhecer meu blog e seguir-me se gostares .
Um grande abraço!
Smareis

Smoozie disse...

adorei, sigo (: